Sandra Miranda
SANDRA MIRANDA

Sandra Miranda é formada em jornalismo pela Unitins e em Direito pela Unisul-SC.
Em 1985 ela fundou o jornal Primeira Página em Araguaína, então norte goiano.

@SandraMirandaTO
Sandra.miranda.1401
sandramiranda@primeirapagina.to

Sandra Miranda

CAMPEONATO

Pelas informações que tem chegado até a mim, infelizmente, só posso chegar à conclusão de que o Tocantins parece estar disputando um eterno campeonato da corrupção. Ano após ano, gestor após gestor.

PIOR

Eu sempre afirmo que o estado parece que foi criado para ser roubado, mas agora, minha constatação é pior. A situação assemelha-se a um campeonato. Um gestor tentando superar o outro no quesito corrupção.

ASSUNTO

Como o Tocantins é um estado pequeno, e Palmas, o centro do poder, tem apenas 300 mil habitantes, é fácil saber das coisas que as tais autoridades andam aprontando. Na verdade, a roubalheira é assunto de conversas desde os botecos, passando por salões de beleza e barbearias. Aliás, até nos ônibus coletivos.

EMENDA PARLAMENTAR

RESUMO SOBRE PARAÍSO: o prefeito Celso Morais foi questionado pelo Nilton Franco sobre uma emenda parlamentar. Como ele ia discursar, poderia responder como aplicou. Mas preferiu causar confusão no local onde estava seu principal adversário, o Damaso. E tentar sair como vítima.

PRESIDÊNCIA DA ASSEMBLEIA

Foi o governador Wanderlei Barbosa que gostou tanto do mandato do deputado estadual Amélio Cayres à frente da presidência da Assembleia Legislativa do Tocantins, ou foi o parlamentar do Bico do Papagaio que conquistou ele próprio o cargo, semelhante à primeira eleição?

SEQUESTRO DE BENS

Amastha e mais 12 pessoas, entre ex-secretários e até um ex-vereador de Palmas tiveram bloqueio e sequestro de bens decretados pelo juiz federal até o limite apurado dos desvios de R$ 74.433.036,70, por meio das aplicações fraudulentas.
Sandra Miranda
@SandraMirandaTO
Sandra.miranda.1401
sandramiranda@primeirapagina.to

Sandra Miranda

CAMPEONATO

Pelas informações que tem chegado até a mim, infelizmente, só posso chegar à conclusão de que o Tocantins parece estar disputando um eterno campeonato da corrupção. Ano após ano, gestor após gestor.

PIOR

Eu sempre afirmo que o estado parece que foi criado para ser roubado, mas agora, minha constatação é pior. A situação assemelha-se a um campeonato. Um gestor tentando superar o outro no quesito corrupção.

ASSUNTO

Como o Tocantins é um estado pequeno, e Palmas, o centro do poder, tem apenas 300 mil habitantes, é fácil saber das coisas que as tais autoridades andam aprontando. Na verdade, a roubalheira é assunto de conversas desde os botecos, passando por salões de beleza e barbearias. Aliás, até nos ônibus coletivos.

EMENDA PARLAMENTAR

RESUMO SOBRE PARAÍSO: o prefeito Celso Morais foi questionado pelo Nilton Franco sobre uma emenda parlamentar. Como ele ia discursar, poderia responder como aplicou. Mas preferiu causar confusão no local onde estava seu principal adversário, o Damaso. E tentar sair como vítima.

PRESIDÊNCIA DA ASSEMBLEIA

Foi o governador Wanderlei Barbosa que gostou tanto do mandato do deputado estadual Amélio Cayres à frente da presidência da Assembleia Legislativa do Tocantins, ou foi o parlamentar do Bico do Papagaio que conquistou ele próprio o cargo, semelhante à primeira eleição?

SEQUESTRO DE BENS

Amastha e mais 12 pessoas, entre ex-secretários e até um ex-vereador de Palmas tiveram bloqueio e sequestro de bens decretados pelo juiz federal até o limite apurado dos desvios de R$ 74.433.036,70, por meio das aplicações fraudulentas.
Eleições 2024

REPORTAGENS EXCLUSIVAS

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceitar Leia mais