Pesquisa em Porto Nacional aponta empate técnico entre Antônio Andrade e Ronivon Maciel

Pesquisa de intenção de voto realizada no tradicional município de Porto Nacional pelo instituto Vope/Jornal Primeira Página, de Palmas, sinaliza para o eleitor, faltando um ano para as eleições, como está o quadro atual. Foram apresentados para os eleitores entrevistados, sete nomes para que eles apontassem qual deles receberia o seu voto, se as eleições fossem hoje.

Nessa modalidade de consulta, a estimulada, os números mostram que estão empatados tecnicamente dentro da margem de erro da pesquisa, os dois primeiros colocados, sendo o deputado federal Antônio Andrade, com 28% das indicações e o atual prefeito Ronivon Maciel, apontado por 25%. A margem de erro do levantamento é de 3% para mais ou para menos, e o intervalo de confiança é de 95%.

O ex-prefeito Otoniel Andrade, foi indicado por 12% dos entrevistados, enquanto que o também ex-prefeito Joaquim Maia aparece com 7%. O empresário Álvaro da A7 obteve 3% da preferência, sendo seguido por Nelcir Formehl com 3%. Em último lugar, está Rolmey da Nutrisal, que recebeu 2%. Declararam-se indecisos 16% dos entrevistados; pretendem votar branco /nulo, 4%.

O Instituto Vope ouviu 700 eleitores de Porto Nacional, nos dias 26, 27, 28 e 29 de setembro de 2023, distribuídos em 5 setores compondo os bairros da cidade, além do distrito de Luzimangues.

Andrade e Ronivon também empatam na rejeição do eleitor

Ao responder à pergunta sobre qual dos nomes o eleitor entrevistado não votaria de forma alguma, o Instituto Vope/Jornal Primeira Página apurou que o empate entre Antônio Andrade e o prefeito Ronivon Maciel, também acontece na rejeição. Ronivon foi apontado por 26% e Antônio Andrade por 25%.

Em terceiro na rejeição, surge Otoniel Andrade, com 11%, enquanto 8% indicaram o nome de Joaquim Maia; Álvaro da A7 tem rejeição de 4%, Nelcir Formehl está com 2%, sendo seguido de Rolmey da Nutrisal com 2%. Declararam que não rejeitam nenhum dos nomes apresentados 15% dos entrevistados, 5% vão votar branco/nulo e não responderam 2%.

O apoio de Wanderlei Barbosa pode influenciar o eleitor?

A pesquisa Vope procurou saber se o apoio do governador do Tocantins, Wanderlei Barbosa, a um candidato a prefeito de Porto Nacional, exerce influência na decisão do eleitor sobre em quem ele irá votar. Foi apurado que para 32%, dependerá de qual candidato o governador irá apoiar. Já para 29%, o apoio do governador não será decisivo para a escolha do seu candidato, enquanto que 26% responderam que esse apoio será decisivo para sua escolha. Afirmaram que pretendem votar em branco/anular o voto 5%, e 8% não responderam.

Metodologia

Pesquisa quantitativa de intenção de voto, na modalidade estimulada, realizada em Porto Nacional pelo instituto Vope/jornal Primeira Página de Palmas-TO. Foram entrevistados 700 eleitores nos dias 26, 27, 28 e 29 de setembro de 2023, tendo a pesquisa margem de erro de 3% para mais ou para menos, com intervalo de confiança de 95%.

O Estatístico responsável é João Soares de Araújo Neto, com registro no Conselho Regional de Estatística – CONRE 6892.

As entrevistas com os eleitores foram realizadas de forma direta baseada em questionário estruturado, sendo utilizado o desenho amostral, partindo da Metodologia de AAS (Amostragem Aleatória Simples), onde há o princípio de equiprobabilidade no sorteio dos elementos que pertencem ao universo objeto da pesquisa, que compõem o Painel Amostral.

A aplicação dos 700 questionários ocorreu em cinco setores da cidade, incluindo o distrito de Luzimangues. O número de entrevistas/questionários teve por parâmetro o quantitativo de eleitores aptos a votar no município de Porto Nacional informados pelo TRE/TO.

Amostra selecionada com representatividade para abranger de forma fidedigna o total do eleitorado de Porto Nacional. Distribuição dos questionários pelo critério geográfico e por cotas (sexo, faixa etária, grau de instrução e renda per capita).

Leia também

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceitar Leia mais