Governador Wanderlei prestigia Festa da Colheita do Capim-Dourado e lança selo comemorativo dos 35 anos do Tocantins

O governador Wanderlei Barbosa, acompanhado da primeira-dama Karynni Sotero, lançou nesse domingo, 17, o selo comemorativo dos 35 anos do estado do Tocantins, no povoado Mumbuca, há 32 km da cidade de Mateiros, na região do Jalapão, onde prestigiou a Festa da Colheita do Capim-Dourado e participou da inauguração do posto de saúde local.

O selo conta com marcas compostas por traços que remetem à identidade do Governo, com as cores amarela, azul e branca da bandeira do Estado, também presentes no nome da música que será o lema da campanha dos 35 anos de criação do Tocantins.

O Governador ressaltou a importância da aproximação com a comunidade para ouvir as demandas locais e reafirmou o compromisso de interligação da região por meio de rodovias de qualidade.

” A população pode contar conosco, porque somos um Governo de resultados”, frisou Wanderlei Barbosa, anunciando a autorização ao Naturatins para emissão da licença ambiental para o trecho rodoviário que liga o povoado de Mumbuca à comunidade Boa Esperança. “Queremos proporcionar essa condição de mobilidade mais rápida para a população local e favorecer muito mais o turismo na região do Jalapão.

O secretário estadual do Turismo, Hercy Filho, ressaltou que pela primeira vez o povoado Mumbuca contou com uma estrutura para a Festa da Colheita do Capim-Dourado à altura do povo do Jalapão. “A estrutura deste ano consolidou a festa como um destino também para os turistas”, salientou o secretário, ressaltando o trabalho realizado pelo Estado para estruturar os destinos turísticos e formar o maior corredor turístico do Brasil.

Festa da Colheita

A festa marcou o início da colheita do capim-dourado, quando a comunidade celebra a haste que deu a ela notoriedade e renda durante todo o ano. A Festa da Colheita do Capim-Dourado foi promovida pela Associação dos Artesãos do Povoado Mumbuca, com apoio do Governo do Tocantins, e atraiu visitantes que tiveram a oportunidade de conhecer a cultura, as tradições e verificar como se dá o processo de produção do artesanato de capim-dourado.

A programação teve início na sexta-feira, 15, e encerrou nesse domingo, 17, com mesa de debates de temas como manejo do fogo e do capim-dourado e a importância do turismo de base comunitária para Mumbuca, além de maratonas, torneio de futebol, cavalgada, cultos religiosos, corrida de cavalos, mesa redonda e apresentações culturais, desfiles, roda de conversa e outras atrações. O ponto alto do evento foi a colheita simbólica do capim-dourado e o desfile de moda com adornos em capim-dourado. O encerramento da programação contou com show gospel com a dupla Daniel e Samuel.

O prefeito de Mateiros, pastor João Martins, destacou o crescimento da estrutura da festa. “Este ano tudo está diferente. Pela primeira vez contamos com uma estrutura deste porte e graças a este apoio do Governo do Tocantins tivemos muitos turistas e visitantes. O governador Wanderlei Barbosa abraçou o Jalapão porque entende a importância da região para o Tocantins e para o Brasil”, destacou o prefeito.

“O capim-dourado para nós é vida; ele transformou a vida do nosso povo do Mumbuca e do Tocantins. Ganhou o mundo com dona Miúda e hoje representa a arte e guarda essa tradição deixada pelos nossos antepassados, guardada com muito carinho, que hoje representa também a nossa sobrevivência; é o coração da nossa economia, coração da nossa cultura”, ressaltou a diretora executiva da Associação de Artesãos e Extrativistas do Povoado do Mumbuca, Railane Ribeiro.

Noêmia Ribeiro, mas conhecida como doutora, filha de dona Miúda, além de moradora mais antiga do lugar, é uma das personagens mais conhecidas na comunidade e não mede palavras para enaltecer a importância do capim-dourado para o povoado. ” Com o capim-dourado e o trabalho da minha mãe nós conhecemos muitos lugares e nossa arte hoje é conhecida no mundo inteiro”.

A secretária de Estado dos Povos Originários e Tradicionais, Narubia Werreria, destacou a Festa da Colheita do Capim-Dourado como um exemplo para as demais comunidades. “Um evento desse é único e exemplo para todas as comunidades dos povos tradicionais e é muito importante a presença do governador Wanderlei Barbosa. É uma demonstração de comprometimento com as nossas raízes, com a beleza cultural, com o fortalecimento de tudo que é nosso, povos tradicionais, quilombolas e indígenas. Essa festa é símbolo, mostra toda a força e resistência do povo quilombola”.

 Capim-dourado

Apesar do nome, o capim-dourado não é um capim, pois não pertence à família das gramíneas. A haste dourada com uma pequena flor branca no topo é, na verdade, da família das sempre-vivas. Considerado uma das preciosidades do Tocantins, o capim-dourado brota em outros estados do Brasil, onde há incidência do bioma Cerrado: Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, Goiás, Distrito Federal e Bahia. O capim-dourado constitui a principal matéria-prima para a confecção de bolsas, bijuterias e objetos de decoração feitos por artesãos, principalmente os quilombolas que residem na Área de Proteção Ambiental do Jalapão. Foram os artesãos do povoado Mumbuca que tornaram a produção de peças em capim-dourado famosas pela beleza e conhecidas em todo o Brasil e no exterior.

O Instituto Natureza do Tocantins (Naturatins) fiscaliza e monitora a região para evitar que possíveis incêndios ou queimadas ilegais cheguem até os campos de capim-dourado e também para evitar a colheita clandestina. Outra regra que precisa ser observada pelos coletores do capim-dourado é que as hastes não podem sair  in natura da região, apenas em forma de artesanato. A partir do dia 20 de setembro, a colheita estará liberada pelo Naturatins àqueles que contam com a carteira para esta finalidade.

Posto de Saúde

O governador Wanderlei Barbosa também participou, nesse domingo, 17, da inauguração do Posto de Saúde da Comunidade Mumbuca Laurentina Ribeiro Matos, construída com recursos da Prefeitura de Mateiros. Durante o evento, o Governador reafirmou o compromisso de disponibilizar uma ambulância para a unidade de saúde. 

Aniversário do Tocantins

Durante a programação na região do Jalapão, o governador Wanderlei Barbosa convidou a comunidade para participar das comemorações dos 35 anos de criação do estado do Tocantins e anunciou os artistas que vão celebrar a festa, em Palmas: Anavitória; Maiara e Maraisa; Ivonei Fernandes; Rick e Renner; Lauana Prado; e Flaguim Moral.  

Leia também

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceitar Leia mais